Hidroterapia – Indicações, Tratamento

A hidroterapia melhora a postura e o condicionamento físico

Indicada no tratamento de pessoas que tenham problemas ortopédicos, cardiovasculares, neurológicos, entre outros, a hidroterapia se diferencia de outras modalidades de fisioterapia por ser realizada na água. Pouco conhecida no Brasil, a prática já era utilizada por egípicios em 2.500 a.C. para fins curativos e sedativos.

Diferente da famosa hidroginástica, a hidroterapia auxilia na prevenção ou reabilitação do paciente, enquanto a hidroginástica é realizada de forma lúdica para a manutenção do condicionamento físico.

Os exercícios de hidroterapia são feitos em uma piscina com chão antiderrapante e barras de apoios em temperaturas que variam entre 33 e 35 graus. Cada paciente possui sua própria série de exercícios que leva em conta fatores como limitações físicas e psicológicas.

Segundo Valéria Belle, fisioterapeuta da clínica Acquaterapia em São Paulo, a hidroterapia é recomendada para todas as idades, contudo, alerta para a necessidade de uma análise minuciosa: “Antes de iniciar o tratamento em piscina, o paciente deve passar por uma avaliação detalhada do fisioterapeuta para elaborar um programa de tratamento específico para seu quadro clínico”, afirma.

A água desempenha um papel essencial na atividade, pois funciona como um meio facilitador, proporcionando movimentos que em solo não são possíveis e consequentemente, minimizando o impacto articular.

Os benefícios da hidroterapia são inúmeros, incluindo a melhora da postura, o fortalecimento muscular, o alívio da dor e a melhora do condicionamento físico, cardiovascular e respiratório. Além disso, a prática traz relaxamento corporal e a sensação de bem-estar.

A hidroterapia pode ser realizada individualmente ou em grupo, em sessões que duram de 30 a 60 minutos. Aqui no Brasil, a atividade é encontrada em academias, clínicas de reabilitação e fisioterapia e spas.

Vale lembrar que como qualquer outro tipo de atividade física, a hidroterapia deve ser acompanhada por um profissional da área.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 + 8 =